Milanku lança ‘A l’aube’ em total intensidade

Milanku lança ‘A l’aube’ em total intensidade

Milanku lança ‘A l’aube’ em total intensidade, seja pelo tempo de criação, pois foram 4 anos até aqui, seja pelo som absoluto. É de arrepiar. Milanku está no Mapa da Expedição e duas faixas passam a integrar a programação da Rádio. O álbum tem lançamento no Bandcamp,  Apple Music e Spotify.

 

 

São Paulo, 31 de março de 2023 – Este álbum levou quatro anos para ser feito, e a banda espera que seja muito bem recebido. Triste, pesado e melancólico, Milanku é fortemente influenciado pelo pós-metal, hardcore e crust. Eles são recomendados para fãs de Mogwai, GYBE! e Neurosis.

Quando se trata de escrever, a música normalmente é construída antes da letra. Em seguida, as letras e os vocais são compostos e colocados nas músicas. Eles são muito influenciados pelo processo de criação musical. O resultado é a música apresentada com um intenso show emocional acompanhado por uma série de imagens. Uma apresentação repleta de intensidade e do sentimento de prazer demonstrado pelos integrantes da banda em tocar no palco.

Segundo relata a banda, todo o processo de criação das letras e músicas foram, de algum modo, influenciados pelo isolamento da pandemia, o que está nitidamente refletido em todas as faixas. Além desse contexto gerador, outra influência marcante são as obras de Milan Kundera, em particular e em títulos em francés: ”La lenteur” and ”La plaisanterie”, respectivamente em português, ‘A Lentidão’ e ‘A Brincadeira’.

Temos a honra e o prazer de poder ouvir os lançamentos em sua completude e o trabalho competentíssimo da Asher Media Relations nos permite destacar, não tanto quanto nos é possível, uma banda como Milanku. Duas faixas entram na programação da Rádio Expedição CoMMúsica: “A l’aube; de leur silences” e “A l’aube; nous sommes disparus”. Lançamento disponível no Bandcamp:

 

 

Ficha técnica:

Título do álbum: À l’aube

Data de lançamento: 31 de março de 2023

Gravadora: Folivora

Distribuição: Believe Digital

Faixas:

1. À l’aube; de leurs silents – 10:54

2. À l’aube; il sera déjà trop tard – 8:04

3. À l’aube; prêchant la mauvaise nouvelle – 5:43

4. À l’aube; de la grande tristesse – 4:55

5. À l’aube; nous sommes disparus – 8:41

Duração do álbum: 38:16

Créditos da Gravação do Álbum: • Todas as músicas interpretadas por: Milanku • Todas as músicas escritas por: Milanku • Produção por: Guillaume Chiasson e Milanku • Mixado por: Guillaume Chiasson •  Arte da capa por: François Lemieux • Membro da SOCAN •  (MAPL)
Gravação do álbum e formação ao vivo: François Lemieux (guitarra, sintetizador) Carl Ruest (guitarra, voz) Guillaume Chamberland (baixo, voz) Guillaume Boudreau-Monty (bateria) Jean-François Bourbonnais (guitarra).

Discografia:

2023 – À l’Aube (Label – Folivora, Distribuição Believe Digital)

2018 – Monument du non-être et Mouvement du non-vivant (Distribuição D7i, Replenish Records, L’Oeil du Tigre, Moment of Collapse)

2015 – Des Fragments (Distribuição D7i, Replenish Records, L’oeil du Tigre, Moment of Collapse, Tokyo Jupiter, Grans of Sand Records)

2012 – Pris à la gorge (Distribuição Tokyo Jupiter, L’oeil du Tigre, D7i, Moment of Collapse, GSP Records, Replenish Records)

2008 – Convalescence (Distribuição Tokyo Jupiter, L’oeil du Tigre, D7i, Moment of Collapse, GSP Records, Replenish Records) 

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Copyright © 2024 Expedição CoMMúsica Política de privacidade | Audioman Pro by Catch Themes
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com