Como os livros mudaram minha vida

Como os livros mudaram minha vida

‘Como os livros mudaram minha vida’ é artigo da coluna quinzenal Semearte, de Érika Ramos, na Expedição CoMMúsica.

 

 

Desde pequena minha vida foi permeada por histórias, desde gibis a livros eu devorava de tudo para alimentar a minha imaginação. Até as enciclopédias, famosas nos anos 90, se tornavam alvo da minha curiosidade.

A leitura me proporciona, até hoje, o poder de viajar sem sair do lugar. O primeiro livro que me marcou foi um de velho oeste interativo, onde eu mesma colei os adesivos e completei as lacunas da história. Pena que não guardei esse livro depois de crescida, hoje carrego apenas algumas memórias destas páginas.

Com meu jeito extremamente tagarela eu não ficava presa somente as histórias que podia ler, mas também me nutria através de alguns desenhos e programas de televisão.

Lembro-me de ser apaixonada pelo Fantástico mundo de bob e por Castelo Rátibum, meu sonho de infância era conhecer o castelo e quando eu estava na faculdade realizei esse desejo através de uma exposição no CCBB.

Esses programas tinham uma magia, inocência de criança e davam cores aos meus sonhos, incentivando que eu criasse minhas próprias histórias.

Voltando para o universo da leitura, o que foi mais intenso durante toda minha infância foi o consumo dos gibis e almanaques de atividades da turma da Mônica. Como eu amava aquele almanaque em folha de jornal, que continha histórias e atividades que eram terminadas cada vez mais rápido.

Crescer dentro de um universo cheio de imaginação, histórias e brincadeiras me levou a ser escritora. Desde muito cedo apaixonada por esse universo eu comecei também a comandar o meu próprio faz de conta dentro das brincadeiras com amigos e com as minhas bonecas.

O tempo foi passando e eu amadurecendo, as leituras se mantendo e desenvolvendo conforme a minha idade. Lembro que na 7ª/8ª série eu li pela primeira vez: A droga da Obediência e a partir desse livro comecei a me “esconder” na biblioteca para poder ler mais. Em pouco tempo eu li todos os livros da série os Karas e sonhava em um dia poder viver minhas próprias aventuras.

E hoje eu vejo que vivi muitas experiências, mesmo nunca tendo desvendado um caso de mistério na vida real, apenas da literatura. A turma dos Karas me incentivou a sempre ter coragem, e a enfrentar os desafios da vida real sem medo.

Algumas das minhas realizações foram:

1- Viver meu primeiro amor
2- Ter minha primeira decepção amorosa
3- Fazer minha primeira viagem para um parque de diversões
4- Descer o rio bravo
5- Me formar no ensino médio
6- Ser a primeira da família a entrar numa universidade pública
7- Aprender a não depender dos outros para tudo
8- Começar a minha biblioteca particular
9- Ser uma autora publicada
10- Andar de balão
….



Hoje depois de ter me permitido viver várias experiências, eu enxergo que a literatura teve um papel fundamental ao moldar minha vida. Desde cedo as histórias alimentaram minha mente e trouxeram aos meus ouvidos histórias que fazem sonhar e ainda ensinam.

Conforme cresci esse gosto pelos livros só cresceu e eu fui descobrindo novos gêneros, conhecendo mais pessoas apaixonadas por livros e descobri os eventos literários. Estes começaram a me tirar de casa e trouxeram novos amigos e algumas aventuras também, quem disse que fila de autógrafo de autor não é uma aventura? Quando não uma verdadeira saga? Muitas vezes é como ser um tributo em jogos vorazes.

A escrita também fez parte desse processo, desde adolescência lembro de ter um gosto muito grande por escrever poesia, no ensino médio me entreguei mais a prosa e me mantive assim por um bom tempo. Hoje não me limito a forma, escrevo mais com o coração e através das inspirações que colho enquanto vivo a vida.

Portanto os livros eles moldaram meus gostos, me ensinaram a sonhar e trouxeram até mim o dom de contar histórias. Hoje eu faço isso, principalmente, através de textos escritos, mas não me limito a só essa forma de arte.

Os livros me mostraram que a vida não precisa ser limitada, que na verdade ela possui várias faces e que através das nossas experiências descobrimos aquela que mais combina com o nosso jeito de ser.

Me conta nos comentários, você já descobriu a sua grande paixão?

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Copyright © 2024 Expedição CoMMúsica Política de privacidade | Audioman Pro by Catch Themes
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com